CompuNet seu provedor de internet com qualidade
Curso

Socorro Castro também participou do Enfoc Mulher

O curso tem como objetivo capacitar as secretárias das mulheres dos mais diversos municípios do Piauí

Sindicato dos Trabalhadores Rurais

Sindicato dos Trabalhadores RuraisSindicato dos Trabalhadores Rurais de Pedro II PI

13/02/2020 13h22
Por: Edinardo Pinto
Fonte: STTR - Pedro II
566
Socorro Castro recebendo o certificado / STTR - PII
Socorro Castro recebendo o certificado / STTR - PII

O Sindicato dos Trabalhadore (as) Rurais de Pedro II, vem trabalhando a qualificação de toda sua equipe com o objetivo de desenvolver um trabalho a altura dos nossos agricutore (as), nos mais diversos seguimentos da população rural.

Além da secretaria do idoso, que tem a frente a dona Fátima Pereira, a secretaria das mulheres, na pessoa da Socorro Castro, também participou desse mesmo curso direcionado as mulheres, ou seja, o Enfoc Mulher. O curso de formação política para mulheres teve como objetivo proporcionar formação política-sindical, com ênfase na abordagem da igualdade nas relações de gênero no MSTTR, visando à qualificação e o empoderamento das mulheres trabalhadoras rurais enquanto mulheres, cidadãs e dirigentes sindicais.

A programação do encontro teve atividades, como, místicas, debates políticos, roda de conversas, palestras, trabalhos de grupos, oficina de teatro e outros.  

O curso foi promovido pela FETAG em parceria com a CONTAG e teve os encontros na sua própria sede em Teresina dividido em três módulos, realizados nos meses de maio, julho e setembro de 2019, com os seguintes eixos temáticos: Feminismo, Gênero e Ação Sindical.

85 secretárias das mulheres, dos 16 Polos regionais da federação, incluindo a Socorro Castro, do STTR – Pedro II, concluíram o curso e se tornaram educadora popular na área da mulher.   

Para a Secretária de Mulheres, Marlene Veloso, o objetivo principal da Enfoc Mulher é empoderar e animar as mulheres para que de fato elas entendam a importância da Marcha das Margaridas, tendo em vista que o curso está dentro do processo de construção da marcha.

A Socorro Castro, disse que o curso foi muito oportuno porque aprendeu como lidar com todos esses temas transversais, onde de forma segura irá colocar na prática. “Quando trabalhamos em uma instituição que representa uma classe que é a classe trabalhadora, precisamos de está sempre bem atualizada com as mudanças que acontecem no dia a dia”. Disse, Socorro Castro.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.